Title Image

Blog

Série: O mistério da dieta low carb: ela é perigosa? – Parte 4

Coração, gordura alimentar e colesterol

Sempre que avaliamos a efetividade de uma intervenção, seja ela dietética ou medicamentosa, deveríamos buscar desfechos clínicos (morte, infartos, AVCs) em detrimento dos substitutos (colesterol, consumo de macronutrientes).

Infelizmente não existe um ECR comparando low carb x low fat para desfechos clínicos; ou seja, temos de nos contentar com os substitutos; pois bem, aumento no consumo de gordura na dieta e piora dos níveis lipídicos são os mitos que mais assombram as pessoas.

Comer mais gordura vai aumentar a chance de um infarto ou de doenças cardíacas?

Poderia falar do Mr.Fit (JAMA. 1982; V248, N12) ou do WHI (JAMA. 2006; V.295, n.6), mas vou sintetizar a mensagem com a conclusão da maior revisão sistemática com metanálise (Ann Inter Med. 2014; 160:398-406) sobre o assunto: “as evidências atuais não dão sustentação às diretrizes cardiovasculares que encorajam o baixo consumo de gorduras SATURADAS.” Isso mesmo que você leu! Gordura saturada. Aquela que é vilificada desde que me entendo por gente.

E o meu colesterol? Essa dieta vai piorar meus índices!

Emagrecendo, sentindo-se bem, reduzindo remédios, mas o colesterol piorou e isso é o suficiente para causar um surto psicótico em muitos pacientes.

A tara freudiana com o lipidograma tem um olhar enviesado para os níveis de colesterol total e LDL que tendem a se elevar um pouco em uma dieta low carb.  Apesar disso, HDL e triglicérides, que são melhores preditores de desfechos cardiovasculares, melhoram com restrição de carbos. Sem contar nas relações CT/HDL e Trig./HDL, que ocupam o primeiro posto na chance de estimar um evento cardíaco, e que também melhoram com low carb.

Dica do médico: temos uma “dieta” que melhora seu bem estar, reduz seu peso, ajuda no controle de doenças como diabetes e pressão alta e reduz sua necessidade de remédios. Apesar disso, dizem que ela vai te matar do coração baseado em senso comum. Isso pode ser fé, inocência ou ignorância; menos ciência de verdade.

Próximo post o cérebro.

 

Postar um comentário